sexta-feira, 03 de dezembro de 2021
Saúde

CENTRO HISTÓRICO RECEBE ONDA ROSA NO PELÔ NESTA QUINTA(21) E SEXTA(22)

A ação ocorrerá envolvendo o diálogo com as mulheres região e haverá distribuição de panfletos informativos
Secom Salvador , Salvador | 20/10/2021 às 19:02
Centro Histórico recebe Onda Rosa no Pelô nesta quinta (21) e sexta (22)
Foto: Jefferson Peixoto/Secom

A região do Pelourinho e Praça da Sé vai receber, amanhã (21) e sexta-feira (22), a Onda Rosa no Pelô, um movimento de conscientização sobre os cuidados com a prevenção do câncer de mama e do colo do útero. A ação ocorrerá das 16h às 18h, envolvendo o diálogo com as mulheres, tanto nas lojas do comércio local e vendedoras ambulantes, como entre as que estiverem transitando nas ruas.

 

Haverá distribuição de panfletos informativos e de laços temáticos, iluminação dos monumentos da região na cor rosa e promoção de atividades físicas. “Será um movimento de chamada dessas mulheres para a preocupação com o autoexame e com o autocuidado, até porque uma mulher que se cuida é uma mulher que tem uma boa autoestima”, afirma Fernanda Lordelo, titular da Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ).

 

O diálogo feito com as mulheres da região será sobre a importância do autoexame, sinalizando como deve ser feito o toque, sobre o acesso à mamografia e melhor forma de prevenção do câncer do colo do útero. Já a atividade física será feita com a orientação de educadores físicos da GCM.

 

A iniciativa é da SPMJ, em parceria com a Secretaria de Articulação Comunitária e Prefeituras-Bairro, por meio da unidade Centro/Brotas; com a Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), por meio da Guarda Civil Municipal e Limpurb, além das secretarias municipais de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer (Sempre) e da Cultura (Secult).

 

Programação – Durante todo o mês de outubro, a Prefeitura realiza uma programação especial para conscientizar a população de Salvador sobre a importância da prevenção e combate ao câncer de mama e do colo do útero. Outras ações ainda serão desenvolvidas pela SPMJ, a exemplo da disponibilização da Sala Rosa, no Shopping Center Lapa, entre os dias 26 e 29.

 

Diagnóstico – O diagnóstico tardio ainda é a principal causa de mortes por câncer de mama, por isso a importância da mobilização. No Brasil, de 60% a 70% dos casos de câncer de mama são identificados em estágios avançados, de acordo com o Ministério da Saúde. Segundo estimativas do Instituto Nacional do Câncer (Inca) para o triênio 2020-22, a expectativa é de 1.180 casos novos de câncer de mama na capital baiana.