quinta-feira, 24 de setembro de 2020
Política

NÚMERO DE INFECTADOS PELA COVID NA BAHIA DESPENCA PARA 1.068 EM 24 H

Alunos da rede estadual de ensino começam testagem da Covid 19
Tasso Franco , da redação em Salvador | 10/08/2020 às 19:12
Testagem dos alunos sobre coronavirus
Foto: Secom Gov
   MIUDINHAS GLOBAIS:

  1. (BAHIA): Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.068 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,6%), 58 óbitos (+1,5%) e 1.661 curados (+0,9%). Dos 194.097 casos confirmados desde o início da pandemia, 176.948 já são considerados curados, 13.138 encontram-se ativos e 4.011 tiveram óbito confirmado para coronavírus.

  2. Para fins estatísticos, a vigilância epidemiológica estadual considera um paciente recuperado após 14 dias do início dos sintomas da Covid-19. Já os casos ativos são resultado do seguinte cálculo: número de casos totais, menos os óbitos, menos os recuperados. Os cálculos são realizados de modo automático.

  3. Os casos confirmados ocorreram em 413 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (32,53%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Dário Meira (4.295,05), Almadina (4.245,97), Gandu (3.854,58), Itajuípe (3.665,02) e Itapé (3.629,72).

  4. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) disponibiliza, para acesso público, a base de dados completa dos casos suspeitos, descartados, confirmados e óbitos relacionados ao coronavírus (Covid-19). Para fazer o download, é simples: basta acessar o link https://bi.saude.ba.gov.br/transparencia/ e clicar no ícone localizado no topo da página. 

  5. O boletim epidemiológico contabiliza ainda 378.104 casos descartados e 79.917 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas desta segunda-feira (10).

  6. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) contabiliza 4.011 mortes pelo novo coronavírus.

                                                             ****
  7. Os moradores das nas ilhas de Maré, Bom Jesus dos Passos e Paramana já podem contar com mais um importante equipamento para assistência às pessoas com sintomas gripais. Isso porque passa a funcionar nesta sexta-feira (07), a partir das 19h, o quinto gripário inaugurado pala Prefeitura, através da Secretaria Municipal da Saúde (SMS). 

  8. O equipamento é destinado ao atendimento exclusivo das síndromes gripais (H1N1, Covid-19 e outros vírus), dessa vez na localidade da Ilha de Bom Jesus dos Passos.

  9. Outros equipamentos semelhantes já foram entregues pela gestão municipal e estão funcionando em anexo às UPAs dos Barris, Paripe, Pirajá/Santo Inácio e Valéria. Com a implantação dos seis gripários – uma nova unidade também será entregue ainda esse mês no Pau Miúdo –, a rede de urgência soteropolitana passa de 355 para 424 leitos, um incremento de 21% da expansão assistencial de emergência em toda cidade.

   10. Além do gripário, a SMS ampliou a equipe de profissionais que atuam nas unidades básicas localizadas nas ilhas, através da inclusão de médico ginecologista e pediatra; fisioterapeuta; terapeuta ocupacional; nutricionista; e psicólogo, sendo que, nos feriados e finais de semana, das 19h da sexta-feira até as 07h horas de segunda, os serviços prestam atendimento aos casos que urgência que porventura ocorram na região das ilhas.

   11. Com o tema “Aqueça o coração de quem precisa”, a Polícia Militar da Bahia, por meio do Departamento de Polícia Comunitária e Direitos Humanos (DPCDH), iniciou nesta segunda-feira (11) a Campanha do Agasalho 2020.

  12. O objetivo é arrecadar roupas, calçados, agasalhos e cobertores para doar a pessoas em situação de rua e a entidades de apoio e acolhimento, protegendo este público das baixas temperaturas previstas para a capital e interior da Bahia. A iniciativa amplia as ações de responsabilidade social já desenvolvidas pela PMBA e o respeito aos direitos humanos.

   13. A arrecadação dos donativos seguirá até 22 de setembro e a população pode ajudar entregando as doações na unidade da PM mais próxima. O Departamento de Saúde da PM recomenda aos policiais que o material só deve ser manuseado 48h depois do recebimento, como medida de prevenção ao novo coronavírus (Covid-19). Para mais informações ou esclarecimentos acesse @dpcdh.ba (Instagram) ou ligue para (71) 3115-9369/9305.

   14. A testagem para o novo Coronavírus nas escolas estaduais dos municípios de Itabuna e Ilhéus começou nesta segunda-feira (10), com funcionários e professores. A partir de terça-feira (11), o procedimento segue com os estudantes por meio de um cronograma organizado em cada escola e com o agrupamento em ordem alfabética, com o objetivo de evitar aglomeração.

   15. No município de Ilhéus serão testadas 12.327 pessoas, sendo 11.370 estudantes, 661 professores e 296 funcionários de 18 escolas, sendo quatro unidades indígenas. Já no município de Itabuna, a testagem acontecerá em 14 unidades escolares, contemplando 12.011 pessoas, sendo 11.224 estudantes, 580 professores e 207 funcionários. 

  16. O atendimento nas escolas está sendo realizado das 8h às 17h, até o dia 21 de agosto. A iniciativa já foi realizada em Itajuípe, Ipiaú e Uruçuca e, atualmente, também está sendo executada no município de Jequié, até o dia 14 de agosto. 

  17. O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, falou sobre a abrangência da iniciativa. “Estas testagem fazem parte de um conjunto de ações que está sendo desenvolvido pelo Governo do Estado, no enfrentamento à pandemia do novo Coronavírus na Bahia", afirmou.

   18. O professor Othon Dantas, do Colégio Estadual Félix Mendonça, localizado em Itabuna, já foi atendido na unidade onde leciona. "Esta testagem visa assegurar melhor a segurança de todos nós e do nosso ambiente de trabalho, para que possamos nos sentir participantes da atividade. Quanto mais testagens realizadas, maior a segurança". 

   19. Para a professora Lucileide Sertório, do Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) Nelson Schaun, localizado em Ilhéus, a testagem é essencial. "Entendemos que esta ação é muito importante para sabermos se é possível ou não o retorno das atividades presenciais com a segurança para todos".

  20. Quem também já fez o teste foi Jane Rezende, que trabalha como assistente administrativa no Colégio Estadual Estado do Ceará, em Ilhéus. "Achei excelente esta iniciativa, porque toda ação preventiva é muito importante. Devemos tomar os cuidados, fazer o teste para poder ter uma ideia do que realmente está acontecendo".

  21. Para o atendimento, todas as unidades escolares foram preparadas com a higienização do local e disponibilização de álcool em gel e pias com sabão para a lavagem das mãos, além da exigência do uso dos Equipamentos de Proteção Individual (EPI). Os professores e demais pessoas a serem testadas deverão utilizar máscaras de proteção para o acesso aos locais. Ao entrar, todos são direcionados para a higienização correta das mãos.
Foto: Leonardo Souza

  22. Cerca de 4,2 mil bares e restaurantes deverão abrir as portas em Salvador, nesta segunda-feira (10), primeiro dia de retomada do segmento após quase cinco meses de atividades presenciais suspensas por conta da pandemia do novo coronavírus. De acordo com Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares (SHRBS), o quantitativo corresponde a 70% dos seis mil estabelecimentos filiados à entidade.

  23. O sindicato calcula que 30% dos bares e restaurantes da cidade não reabram hoje em função da falta de capital de giro. Segundo o presidente do SHRBS, Sílvio Pessoa, os empresários têm enfrentado dificuldades para conseguir disponibilidade de linha de crédito junto aos bancos, recursos que serviriam para arcar com aluguéis e contas de consumo.

  24. “O segmento bares e restaurantes está muito mal visto (pelas instituições financeiras), sendo tido como grupo de risco para pagamento. Além disso, acreditamos que, no primeiro e segundo mês de retomada, o consumo vai ser pequeno por parte da população, pois as pessoas estão temerosas em sair de casa para comer e beber, mesmo os bares e restaurantes sendo um dos setores mais fiscalizados, principalmente pela Vigilância Sanitária”, ressalta Sílvio Pessoa.

   25. “Posso afirmar categoricamente que somos um dos setores mais seguros. A maioria dos bares e restaurantes já está preparada para atender aos protocolos geral e setorial determinados pela Prefeitura. Vamos só nos adaptar com algumas medidas, como redução de salão, cardápio com QR-code ou plastificado, higienização imediata de mesas e cadeiras após troca de cliente, disponibilização de temperos em sachês etc. Boa parte das ações já eram feitas”, acrescenta o presidente do presidente do SHRBS.