quarta-feira, 23 de setembro de 2020
Política

DOS 100 MIL MORTOS PELA COVID-19 NO BRASIL APENAS 4% SÃO DA BAHIA

O controle da pandemia no Estado da Bahia mostra sinais de desaceleração do coronavirus
Tasso Franco , da redação em Salvador | 08/08/2020 às 19:42
Na Mata Escura, Salvador, prevenção
Foto: Bruno Concha
   MIUDINHAS GLOBAIS:

   1. (BRASIL): Com o registro de mais 538 vítimas do novo coronavírus, anunciado na tarde de hoje (8), o Brasil supera a marca de 100 mil mortes causadas pela covid-19. O país soma vergonhosos 100.240 óbitos decorrentes da doença, menos de cinco meses após registrar a primeira vítima. 

   2. A informação foi divulgada pelo consórcio formado pelos veículos Folha de S.Paulo, UOL, O Estado de S. Paulo, Extra, o Globo e G1, com dados colhidos junto ao Conass, o Conselho Nacional de Secretários de Saúde.

  3. O Conass também recebeu 21.732 notificações de novos casos entre as 16h de ontem e as 13h30 de hoje. Mais tarde, às 18h, o órgão emitiu novo boletim, atualizando os dados: nas 24 horas entre as 16h da sexta e as 16h deste sábado, foram mais 905 óbitos, elevando o total para 100.477 vítimas. Além disso, foram 49.970 novos casos.

  4. (BAHIA) Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 3.509 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +1,9%), 56 óbitos (+1,5%) e 3.621 curados (+2,1%). Dos 191.401 casos confirmados desde o início da pandemia, 172.943 já são considerados curados, 14.559 encontram-se ativos e 3.899 tiveram óbito confirmado para coronavírus.

   5. Para fins estatísticos, a vigilância epidemiológica estadual considera um paciente recuperado após 14 dias do início dos sintomas da Covid-19. Já os casos ativos são resultado do seguinte cálculo: número de casos totais, menos os óbitos, menos os recuperados. Os cálculos são realizados de modo automático.

  6. Os casos confirmados ocorreram em 413 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (33,00%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Dário Meira (4.285,71), Almadina (4.209,37), Gandu (3.811,38), Itajuípe (3.645,50) e Itapé (3.447,10).

   7. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) disponibiliza para acesso público, a base de dados completa dos casos suspeitos, descartados, confirmados e óbitos relacionados ao coronavírus (Covid-19). Para fazer o download, é simples: basta acessar o link https://bi.saude.ba.gov.br/transparencia/ e clicar no ícone localizado no topo da página.

   8. O boletim epidemiológico contabiliza ainda 372.974 casos descartados e 82.130 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas deste sábado (08).

   9. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) contabiliza 3.899 mortes pelo novo coronavírus.

                                                        *****
   10. O presidente da Câmara de Itabuna, Ricardo Xavier (Cidadania), teve confirmado na sexta-feira (07) o diagnóstico de Covid-19. Ele foi um dos 112 testados na Casa nesta segunda amostragem colhida pela Vigilância Epidemiológica. No total de agora, foram 17 casos positivos, entre vereadores e demais servidores.

   11. Como tem apresentado sintomas leves, Xavier informa que pretende continuar trabalhando, pelos próximos 15 dias, de forma remota. Ele é um dos que frequentemente compareciam ao Legislativo para dirigir as sessões e cumprir outros compromissos do cargo; os colegas já vinham participando pelos meios virtuais.

   12. O Solidariedade marchará com a pré-candidatura de Carlos Geilson (PODEMOS) a prefeito de Feira de Santana. "Assim como na Bahia como um todo, o Solidariedade vai sair mais forte deste pleito em Feira de Santana. Estamos apoiando uma chapa fortes nas eleições majoritárias e vamos para cima com nossos pré-candidatos nas proporcionais", afirmou o presidente Luciano Araújo.

   13.  O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) segue no combate ao mosquito Aedes aegypti, buscando evitar o aumento no número de casos de dengue, zika e chikungunya em Salvador. As ações promovidas pelo órgão são conhecidas como Quinta Especial e Sexta Especial, onde os focos de combate são localidades com alto número de denúncias através da central 156. 

  14. Na última quinta (06), o foco foi no bairro de São Caetano. Na sexta, a ação ocorreu em Itacaranha, no Subúrbio Ferroviário. Os mutirões ocorrem em parceria com a Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb). Os agentes de endemia fazem aplicação de inseticida, borrifação ultra baixo volume (UBV Costal), além de ações educativas com a população. 

   15. Os mutirões já apresentam resultados. No mês de julho, foi estimada uma redução de 55% no número de notificações. A subgerente de Arboviroses do CCZ, Isolina Miguez, explica as ações realizadas. “Estamos intensificando os mutirões e os bloqueiros, fazendo primeiro o bloqueio focal, com ação educativa, já que não se pode entrar nas casas nesse momento inicial. Também estamos fazendo aplicação espacial do inseticida sempre que é necessário”. 

   16. O deputado estadual Niltinho (PP) tem realizado rotineiramente testes para detectar a Covid-19. No resultado do teste que ele realizou no último dia 1 o resultado deu positivo. O resultado saiu ontem (06). Portanto, devido ao dia que o teste foi realizado o médico que o assiste recomendou sete dias de isolamento. Ele se sente bem e está assintomático. 

   17. Tiveram início neste sábado (08) as medidas restritivas regionalizadas nos bairros de Mata Escura, Pirajá, Santa Cruz e Pernambués - os dois últimos já haviam passado pelas ações mais duras e retornaram à lista, que inclui ainda Nordeste de Amaralina neste momento, em função do aumento de casos da Covid-19. 

  18. Nesses locais, além do fechamento do comércio formal e informal, a Prefeitura iniciou a realização de testes rápidos para o novo coronavírus, medição de temperatura, higienização das ruas, distribuição de cestas básicas a ambulantes e feirantes, entrega de máscaras, combate ao mosquito Aedes Aegypti e o projeto Cras Itinerante.

   19. Em Mata Escura, na Escola Municipal Maximiniano da Encarnação, as equipes da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) distribuíram 150 fichas para realização de testes rápidos nesta manhã. Além disso, foram entregues mais de 100 máscaras pelas equipes de abordagem da Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza (Sempre).

  20. Rodrigo Coutinho, de 33 anos,disse que as medidas restritivas são importantes para deter o avanço da doença no bairro e conscientizar as pessoas. "É muito bom para todos nós que somos moradores do bairro, diante dessa pandemia. Todos temos que tomar os cuidados possíveis contando com esse suporte da Prefeitura". 

  21. Mata Escura apresentou 168 casos de Covid-19 ocorridos em 30 dias dias e 25 em dias, contabilizados até anteontem (06). Daí a preocupação de Luiz dos Santos, de 45 anos. "Precisamos conter o avanço dessa doença aqui, que está crescendo. Essa iniciativa está sendo ótima. Saber que meu bairro está com essas medidas é muito bom para ver se muda esse quadro".