quinta-feira, 05 de dezembro de 2019
Esporte

SÉRIE B: VITÓRIA NO BARRADÃO ACORDA O LEÃO, p/ ZédeJesusBarrêto

Vitória chega a 7 pontos e precisa ganhar mais jogos da deixar zona de rebaixamento
Da Redação , Salvador | 20/07/2019 às 08:03
Vitória 2x0 Criciúma
Foto: ECV

 Ufa ! Mesmo sem fazer uma partida convincente, com dois gols do avante Anselmo Ramon, o Leão enfim desencantou e voltou a vencer na sua Toca, o Barradão  - 2 x 0 sobre o Criciuma, com pouca gente no estádio em noite chuvosa. O Rubro-negro não vencia desde o dia 4 de maio.

 O resultado dá um alento de esperança, alivia tensões mas não foi suficiente para tirar a equipe da zona de rebaixamento, com sete pontos. Será que agora vai?

*

   Até então ...

- Na lanterna da Segundona, com apenas quatro pontos ganhos em 10 rodadas, o Leão baiano tem a defesa que mais levou gols, 20, e um ataque que malhou oito vezes. Assim entrou em campo.

 - Em seis meses, o rubro-negro venceu apenas quatro jogos. O treinador Osmar Loss ainda não conseguiu ganhar uma. 

 - A chance da reação, de um renascer, pois, na sexta-feira, noite frienta, céu de inverno, na sua Toca do Leão, perante um magote minguado de torcedores ainda confiantes, contra um Criciúma (SC) que está no meio da tabela de classificação (12 pontos ganhos, 12º lugar) e não é nenhum ‘bicho papão’.  Então ...

*

 Com a bola rolando...

 - Chuva fria, continuada, e o vento castigando desde o começo. Gramado molhado, escorregadio, mas bonito, linheiro.  Muita disputa no corpo a corpo, bolas espirradas, ritmo travado, passes equivocados e poucas trocas de passes.

  - A primeira boa chance foi do meia Gedoz, cobrando falta da entrada da área, rente ao poste catarinense, aos 13 minutos. Aos 15’, Anselmo Ramon girou bem em cima do marcador, na meia lua e chutou rasteiro, fora, ganhando aplauso da arquibancada.

  - Só aos 38’, após cobranças de escanteios em sequência, o Criciuma deu o ar da graça. Muito pouco. Aos 43’, Marlon arriscou de longe, batendo falta de canhota, rasteiro, passando perto. O time de amarelo equilibrou nos 10 minutos finais, chegando mais.

   - Na descida para a merenda, nos vestiários, boa parte da torcida vaiou, outros aplaudiram. O zero no placar parece ter agradado ao treinador Kleina, dentro do previsto na estratégia de jogo dos visitantes.

*

 - O jogo ficou mais corrido e mais aberto depois do descanso. As duas equipes mostrando mais disposição ofensiva. O Leão forçando mais. E tome-lhe chuva, pingos mais cheios. O torcedor também mais animado.

 - Aos 14’, após boa jogada de Gedoz, o mais lúcido da equipe, Weslei teve a chance mas finalizou mal. O Criciuma marca, corre, defende-se bem, mas não chega. Gosta do empate.

 - Gol ! 1 x 0 Vitória. O becão Platero com a bola dominada na frente da área, sem problemas, decidiu sair jogando, escorregou e ...  Anselmo Ramon agradeceu; ficou com a redonda, esperou a saída de Luiz e abriu o placar, no vacilo do zagueiro. Aos 23’.

 -  Gol ! 2 x 0 Vitória. Cinco minutos depois, o mesmo Anselmo Ramon, sem marcação na pequena área, testou no contrapé do goleiro Luiz, um cruzamento em curva,  da direita, bem executado pelo lateral Mateus Rocha.

 - Aos 39’,  Jurimar teve a chance de diminuir, livre, de frente, após uma má rebatida da defensiva baiana; mas apareceu o goleiro Martín, saindo rápido, fechando o ângulo e defendendo o chute a escanteio, salvando o gol.  Aos 43’, outra boa intervenção do goleirão uruguaio, mostrando serviço.

   Deu Vitória, justo. O Leão teve mais volume de jogo, mais vontade de vencer.

*

 Destaques  

 Na equipe vencedora, o bom goleiro uruguaio Matín Rodriguez; o lateral Mateus Rocha, o meio-campista Gedoz (correu muito, buscou o jogo) e o centroavante artilheiro da partida Anselmo Ramon.

  Um Criciúma acanhado, sem mostrar muita coisa.

   *

Ficha Técnica

- Vitória : Martín Rodriguez, Mateus Rocha, Éverton Sena, Ramon e Chiquinho; Baraka, Gedoz (Lucas Cândido, estreante) e Leo Gomes; Ruy (Nickson), Anselmo Ramon e Wesley (Tiaguinho) .  No banco, Osmar Loss.

 - Criciúma : Luiz, Marcos Vinícius, Platero, Derlan e Marlon; Liel, Jean Mangabeira (Bruno) e Eduardo (Caíque); Reis, Léo Gamalho e Vinícius (Jurimar). No banco, Gilson Kleina.

 No apito, Adriano Milcezvski; arbitragem paranaense, sem VAR.

*

 Na próxima rodada o Rubro-negro baiano encara o Londrina, vice-líder da competição, no Estádio do Café (PR), dia 23, terça-feira, às 21h30.  No frio.

-  Presente nas sociais do Barradão, o jovem atleta equatoriano Caicedo, atacante. Recém contratado. Torcedores maldosos: - ‘Com um nome desse, seria uma piada pronta?’  Dizem que é veloz, raçudo e chutador. Veremos.

**

   Fechando a rodada ...  

   Na noite de sexta, em Santa Catarina, Figueirense 1 x 1 Londrina.

   No sábado, fechando: Oeste x Bragantino ( é o líder, com 19 pontos);

   Vila Nova x América (MG); Botafogo (SP) x Guarani; Operário x CRB. 

**

  Série A  

  Depois de cair fora da Copa do Brasil (levou 1 x 0 do Grêmio no meio da semana), o Bahia volta à Fonte Nova neste sábado, 17h, para enfrentar o Cruzeiro, a Raposa das Minas Gerais. Bom lembrar que na retomada da competição, depois da Copa América e antes do confronto com o Tricolor gaúcho, o Bahia tomou 1 x 0 do Santos, em Pituaçu, pela 10ª rodada do Brasileirão.  Já tem torcedor cabreiro.

 A direção do clube andou comemorando a adesão de 40 mil sócios e anunciou oficialmente caras novas: o lateral Geovani (que deve estrear no lugar de Moisés, suspenso), o apoiador Ronaldo (ex-Flamengo) e o atacante Lucca.

 Afinal, qual a gravidade da lesão do meia venezuelano Guerra, logo na estreia, contra o Santos? Bichado ou pode ser uma esperança de mais criatividade no meio-campo?

**

  Nossa Grande Campeã

  Louvores todos à extraordinária nadadora baiana Ana Marcela, cinco vezes Campeã do Mundo, quatro vezes Medalha de Ouro na maratona mundial aquática de 25 mil metros/25Km, recém-acontecida na Coréia. A moça fazendo história a braçadas nas águas.