ter?a-feira, 25 de fevereiro de 2020
Colunistas / A Boa Mesa
Dom Franquito

DOM FRANQUITO prova deliciosa carne de sol grelhada do CONVERSA FIADA

Um bom lugar para conversar, petiscar e azarar com comidinha deliciosa
09/09/2016 às 19:37
​   No entroncamento das Ruas Arthur Azevedo Machado e Paulo Miguez, um jurista e um músico, no Costa Azul, há um um lugar dos melhores para prosear, bater papo, 'jogar conversa fora' - como se diz no baianês de Lariú - numa boa, sem essa de aporrinhação sobre a crise que ronda o país, sem gritos dos excluidos ou dos incluidos, sem garçom ficar colado no seu pé toda hora limpando a mesa. 

   Esse local é o Conversa Fiada, Bar e Restaurante.

   Nome mais sugestivo, impossível, Conversa Fiada, ou melhor dizendo conversa igual a novelo de lã que nunca chega ao fim, papo prolongado, lero sem hora para terminar. 

   Fiada, como todo mundo sabe, é uma porção de coisas ligadas por um fio - de lá, de linha, de cordão, de tijolos, etc, - e quando junta isso com Conversa, que vem a ser papo, lero-lero, tertúlia, aí é que a combinação fica perfeita.

   Agora, você adiciona isso a uma gelada, ou a um tequila José (leia Rosé) Cuervo, la mejor (leia meror) del México, aí, meu caro, não tem crise de doutor Meireles, nem do fantasmagórico mordomo, que resista. Muito menos daquele Pernambuco que faz de conta que não seba de nada e sabe de tudo.

   Pois, no Conversa Fiada tem tudo isso e mais um bom uisque, até o velho Old Parr querido de Sêo Lapão, por lá existe. Pingas das boas e uma carninha de sol grelhada, finininha, com farofa e cebolinha, das melhores.

   Há, ainda, o Alex, garçom da melhor categoria, que atende a gente numa boa, que deixa o camarada à vontade. 

   Yo mesmo, que ensaio uns toques de bandolim na Somset da Miguez, com Mr Cascatinha no violão e Josep no baixo, no que chamo de trio Bavô, Bahia Vovô, passo vez por outra no Converva para um lero, mas, sem prosa de fiado porque a casa aceita todos os cartões, capilé ao vivo, menos cheques e pendura.

   Esta semana passei por lá saborear a carne de sol grelhada, farofa de farinha do Onha, feijão fradinho novíssimo e vinagrete. E mais, aquela pimenta que tem que se colocar um ou dois pingos, no máximo. Três a cinco pingos só se o camarada for daqueles a gostar muito da malagueta no azeite.

   Poderia até ter pedido uma tripinha frita, de entrada, mas, como Jeffinho, um velho parceiro estava distante e yo só, uma gripe me rondando feito touro bravio de Barretos, não dei bolas pra ela nem para a Cuervo, que aprecio bastante.

   Alex disse que iria providenciar um suco de abacaxi com hortelã, dos melhores, para espantar o touro. E assim o fez enquanto a carne de sol estava sendo grelhada.

   O Conversa Fiada é um restaurante de preços módicos e que atende uma clientela de profissionais liberais que trabalham, preferencialmente, na Av José Peroba, hoje, o maior corredor comercial do Stiep, a turma da Fieb e profissionais que trabalham na Alceu Amoroso Lima e na Tancredo Neves.

   É um restaurante eclético. Nos finais de semana, especilamente no 'hapy-hour' das sextas e nos sábados, a azaração é total. Aí funciona mais como bar e fica aberto até a zero hora. No domingo, só funciona até às 21 horas.

   Dá uma turma bonita, glamurosa, galera da meia idade, mas, como já dissemos acim, um local de conversa. Não tem música ao vivo, nem voz e violão. 

   - Nos finais de semana isso aqui fica repleto de clientes e é muito bom - conta Alex.

   Pergunto porque o proprietário não coloca som ao vivo.

   - Creio que pode ter reclamações de morades. Mas, nada disso atrapalha a galera que vem em peso nos finais de semana - conta Alex.

   Pois é, aí está a dica. Conversa Fiada. Boa comida, preços acessíveis e azaração.

   A carne de sol posta em minha mesa estava deliciosa. Como eu pedi. Bem passada, fininha, sem gordura. 
------------------------------------------------------------------------ 
Bar e Restaurante Conversa Fiada
Rua Arthur Azevedo Machado, 89
Costa Azul - Salvador - Bahia
Fone 71. 3033.4487
De segunda a sábado das 11h30min a 0 hora
Domingo das 11h30min às 21h
Aceita todos os cartões
Carne de sol grelhada R$29,90 (individual)
Carne de sol grelhada R$59,90 (2 pessoas)
Suco R$5,70
Tequila R$16,90 (dose)
Old Parr R$17,90 (dose)
Estacionamento na rua - não tem manobrista
Ambiente arejado - não é climatizado
Área livre em baixo de árvores
Classificação 3 DONS