quarta-feira, 28 de junho de 2017
Cultura

Onírica Mecânica apresenta "A intrépida viagem de um homem e um peixe"

Em temporada no Brasil, o grupo de teatro de objetos faz apresentação única na capital baiana,
no auditório do Instituto Cervantes de Salvador
Leonardo Parente , Salvador | 02/03/2013 às 20:59
Teatro do Instituto Cervantes, Ladeira da Barra
Foto: LP
Chega ao Brasil o premiado espetáculo de teatro de objetos “A intrépida viagem de um homem e um peixe” (El Intrépido viaje de un hombre y un pez). O Instituto Cervantes traz a Salvador, para uma apresentação única, no dia 08 de março, às 19h30min, o grupo espanhol Onírica Mecânica, liderados pelo contista Jesús Nieto. O espetáculo recupera a figura dos antigos contistas ambulantes que percorriam e ainda percorrem vilarejos, contando histórias fantásticas pelos lugares remotos do mundo.

 A entrada é franca e as vagas são limitadas. Os ingressos deverão ser retirados na sede do Cervantes, na Ladeira da Barra. Maiores informações pelo telefone 71-3797-1667.

“A intrépida viagem de um homem e um peixe” é um projeto que tem uma proposta que combina o teatro visual, manuseio de fantoches, sombras e objetos, como linguagem sensorial, preservando as mais antigas tradições da arte de contar contos. 

A história gira em torno de um homem e um peixe que rodam o mundo contando suas histórias por onde passam, acompanhados de suas bugigangas, bonecos de arame, luzes de Natal, letras voadoras e estranhos objetos que deixa o cenário especialmente bonito, motivo que deu ao espetáculo o prêmio de melhor cenografia na tradicional premiacão “Feira de Fantoches de lleida, 2009”, na Espanha. Nesse prêmio também recebeu Menção Especial do Jurado Internacional.

O grupo se apresentou, pela primeira vez, no Brasil no Festival Internacional de Teatro de Objetos (Fito), em Brasília, em junho do ano passado. O trabalho foi largamente veiculado e avaliado pela crítica especializada na Europa, sendo comparado inclusive com as obras do Tim Burton, pelo jornal francês “Le Bon Public”. “Minha investigação questiona o real, a tirania do visual e a desvalorização da palavra, além de todos os paradigmas de verdade que a nossa sociedade moderna impõe”, afirma Jesús Neto.

Jesús Neto estudou cinema na Escola Internacional de San António de los Baños em Cuba e também na Asociación de Técnicos Cinematográficos Españoles, em Madrid. Dirigiu e escreveu os curta-metragens “El caleidoscopio”, “Circo de pulgas” e os documentários “Historias del milenio” e “Un minuto antes de morir”, além de micropelículas de animações. Com o curta “El calendoscópio”, Neto ganhou os prêmios de melhor curta-metragem no Festival de Cine de Melbourne na Austrália e o prêmio de Melhor Ator.

Serviço

EVENTO - Espetáculo de Teatro de Bonecos “A intrépida viagem de um homem e um peixe” (El Intrépido viaje de un hombre y un pez)”
QUANDO? 08 De março de 2013 (sexta-feira).
ONDE? Auditório do Instituto Cervantes de Salvador (Ladeira da Barra – Salvador)