quinta-feira, 21 de mar?o de 2019
Política

FOGO AMIGO Líder do PT diz: AGERBA age de forma arbitrária no interior

Líder do PT, Rosemberg Pinto, diz que diretor da AGERBA, Eduardo Pessoa,não acata determinações de Otto Alencar
Tasso Franco , da redação em Salvador | 25/11/2013 às 17:33
Rosemberg Pinto diz que multas são fora do bom senso comum
Foto: BJÁ
   O deputado Rosemberg Pinto, líder do PT na Assembleia Legislativa, afirmou nesta segunda-feira, 25, em plenário e entrevista ao BJÁ que a atitude de fiscais da AGERBA no interior do estado em multar motoristas, sempre acompanhados de dois PMs, só porque conduzem amigos nos veículos em viagens intermunicipais é "inconcebível". 

   A multa tem sido de R$2.800,00 entendendo a AGERBA que se trata de transporte irregular de passageiros sob cobrança de passagens. Segundo Rosemberg, há casos de pessoas que conduzem parentes e amigos e isso não pode e não deve ser considerado um transporte de ganho, e sim uma amizade, uma carona. 

   O líderdo PT diz que levará o assunto diretamente ao líder da Maioria (Governo) na Assembleia Legislativa, deputado Zé Neto, para que o assunto seja resolvido junto às autoridades governamentais uma vez que já levou o fato ao conhecimento do vice-governador Otto Alencar, mas, o diretor da AGERBA, Eduardo Pessoa, tem feito ouvidos de mercador.

   "Me parece que Eduardo não atende Otto"alfinetou Rosemberg frisando que outros deputados (Bira Coroa, Luiza Maia, etc) já lhe procuraram fazendo queixas idênticas e os prepostos da AGERBa continuando multando motoristas em Ibicaraí, Itapetinga, na Chapada Diamantina, nas estradas da Bahia.

    Segundo Rosemberg, os fiscais da AGERBA multaram um vereador de Itapetinga que conduzia pessoas para atendimento médico e teria havido o seguinte diálogo com os fiscais da AGERBA: Fiscal - Esses passageiros são seus parentes? Vereador - Não. São pessoas amigas que levo para socorro médico. Fiscal: - Então se não são seus parentes será multado. E sapecou amulta de R$2.800,00.